terça-feira, 31 de agosto de 2010

- do i need rehab?


do i need rehab?
Upload feito originalmente por MisteridiAngeli

baby, when we first met I never felt something so strong. you were like my lover and my best friend, all wrapped in one with a ribbon on it.

and all of a sudden you went and left, I didn't know how to follow. it's like a shot that spun me around and now my heart's dead. I feel so empty and hollow.

and I'll never give myself to another the way I gave it to you. you don't even recognize the ways you hurt me, do you? it's gonna take a miracle to bring me back and you're the one to blame.
and now I feel like....oh!

you're the reason why I'm thinking. I don't wanna smoke on these cigarettes no more. I guess that's what I get for wishful thinking. should've never let you enter my door.

next time you wanna go on and leave. I should just let you go on and do it 'cause now I'm using like I bleed. it's like I checked into rehab and baby, you're my disease.

damn, ain't it crazy when you're loveswept. you'd do anything for the one you love 'cause anytime that you needed me I'd be there. it's like you were my favorite drug.

the only problem is that you was using me in a different way than I was using you but now that I know it's not meant to be... I gotta go, I gotta wean myself off of you.
[...]

(rehab - rihanna)

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

- loucura;


Via Crucis do Crpo - IV
Upload feito originalmente por Vagner Calzatti

E em homenagem ao sonho que tive esta noite:

Eu não sei de onde vem essa vontade louca de desmanchar os seus cabelos, beijar a sua boca. Ah eu não sei de onde vem esse desejo louco de abraçar seu corpo inteiro amando pouco a pouco.
Oh amor o tempo vai passando e a gente não se vê. O meu desejo aumentando, é saudade de você. É loucura é paixão sedução e prazer. É loucura é amor eu não vou te esquecer.
(Loucura - Maycon e Renato)

- do outro lado da tarde;


Pensamento
Upload feito originalmente por Criarte

Às vezes me espanto e me pergunto como pudemos a tal ponto mergulhar naquilo que estava acontecendo, sem a menor tentativa de resistência. Não porque aquilo fosse terrível, ou porque nos marcasse profundamente ou nos dilacerasse - e talvez tenha sido terrível, sim, é possível, talvez tenha nos marcado profundamente ou nos dilacerado - a verdade é que ainda hesito em dar um nome àquilo que ficou, depois de tudo. Porque alguma coisa ficou. [...]


De repente, eu não consegui ir adiante. E precisava: sempre se precisa ir além de qualquer palavra ou de qualquer gesto. Mas de repente não havia depois: eu estava parado à beira da janela enquanto lembranças obscuras começavam a se desenrolar. Era dessas lembranças que eu queria te dizer. Tentei organizá-las, imaginando que construindo uma organização conseguisse, de certa forma, amenizar o que acontecia, e que eu não sabia se terminaria amargamente - tentei organizá-las para evitar o amargo, digamos assim. Então tentei dar uma ordem cronológica aos fatos: primeiro, quando e como nos conhecemos - logo a seguir, a maneira como esse conhecimento se desenrolou até chegar no ponto em que eu queria, e que era o fim, embora até hoje eu me pergunte se foi realmente um fim. Mas não consegui. Não era possível organizar aqueles fatos, assim como não era possível evitar por mais tempo uma onda que crescia, barrando todos os outros gestos e todos os outros pensamentos.
(Caio Fernando Abreu)

sábado, 21 de agosto de 2010

- memórias [2];


Saudade
Upload feito originalmente por Rafaela B

Outra dose de uísque e eu não consigo parar de olhar para a porta, desejando que você entre com tudo da maneira que fazia antes. E eu me pergunto se eu já passei pela sua mente, porque comigo isso acontece o tempo todo.

São uma e quinze, estou meio embriagada e eu preciso de você agora. Eu disse que não ia ligar mas perdi todo o controle e preciso de você agora. E não sei como sobreviver, eu simplesmente preciso de você agora.
(Need you now - Lady Antebellum)

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

- memórias [1];


In memory of a VERY SPECIAL FRIEND
Upload feito originalmente por HORIZON

Memórias perfeitas espalhadas pelo chão, alcançando o telefone porque eu não consigo lutar mais contra isso. E eu me pergunto se eu já passei pela sua mente, porque comigo isso acontece o tempo todo.

São uma e quinze, estou completamente só e preciso de você agora. Disse que eu não viria mas perdi todo o controle e preciso de você agora.

E não sei como sobreviver, simplesmente preciso de você agora.
(Need you now - Lady Antebellum)

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

- happy birthday my friend;


happy birthday .:¦ [Ŝħ₥Ŏ5 ДḼ3ž] ¦:.
Upload feito originalmente por F ® u i t y

You think I'd leave your side, baby? You know me better than that.
Think I'd leave you down when you're down on your knees? I wouldn't do that.
I'll tell you you're right when you want.
And if only you could see into me.

When you're cold, I'll be there hold you tight to me.
When you're on the outside, baby, and you can't get in,
I will show you, you're so much better than you know.

When you're lost and you're alone and you can't get back again,
I will find you darling and I will bring you home.
And if you want to cry I am here to dry your eyes.

And in no time, you'll be fine.
(By your side - Sade)

Side by side or miles apart, true friends are always close to your heart.
Happy birthday!!! TQB!

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

- volte pra casa;


Incomplete.
Upload feito originalmente por Juliane Colombo

olá mundo,
espero que você esteja escutando.
me desculpe se eu sou novo pra falar sem esperar chegar minha vez.
existe alguém que eu sinto muita falta. e acredito que lá podem estar as melhores partes de mim. sei que estão em seu próprio lugar tentando fazer a coisa certa, mas eu estou cansando de me justificar com isso.
então eu digo pra você voltar pra casa porque eu estive esperando por você durante tanto tempo. e agora há uma guerra entre os orgulhos, mas tudo que eu vejo é você e eu. e eu sempre lutarei por você, então volte pra casa. (Come Home - OreRepublic)

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

- te escrevo - ainda;


um sorriso não tem preço!
Upload feito originalmente por Adriana Casellato

basta apenas um sorriso pra que eu volte pra você. esse amor não ta perdido, não há nada proibido, não tem nada pra esconder. basta apenas um sorriso, um sorriso é o perdão. um sorriso muda tudo, um sorriso muda o mundo e faz feliz um coração. eu já quebrei a cara procurando por aí. abraço igual ao seu nunca se aproximou de mim. amores que vieram me causaram tanto mal. você é diferente, você é especial. as bocas que beijei eram geladas sem sabor, os corpos que abracei brincaram de fazer amor. nas camas que deitei eu só amarrotei lençol. meu mundo sem o seu é feito a terra sem o sol.
(apenas um sorriso - bruno e marrone)

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

- te escrevo;


Ao amor...
Upload feito originalmente por LMarangoni


Mesmo que você não esteja aqui, o amor está aqui agora. Mesmo que você tenha
que partir, o amor não ha de ir embora.
Eu sei que é pra sempre enquanto durar e eu peço somente o que eu puder dar.
(Titãs)

infelizmente, neste momento nada tenho pra te dar. quer dizer, pra ninguém. cansei de ser "violentada". estou procurando me dar o melhor de mim.
exatamente neste momento ainda me deixo violentar.
até quando vou ficar colocando a falsa felicidade alheia na frente no meu sofrimento? será que vale a pena?
e você que me ensinou a ser segura, a não exigir muito, a não criar expectativas irreais; você que não quis ser o melhor, mas sim o diferente, me diz: estou errando?

terça-feira, 10 de agosto de 2010

- madrugada;

Madrugada, eu de férias, com visita em casa. E ainda assim tudo me remete a você.

Published with Blogger-droid v1.4.7

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

- até quando?

Me pergunto até quando iniciarei e terminarei historias esperando que algum enredo seja perfeito?

Published with Blogger-droid v1.4.7

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

- sobrevivência;


Arma tu propio Mundo 2
Upload feito originalmente por balbastro julio

bem, acredito que cada um lute com sua própria arma pra sobreviver. seja ela a simpatia, a falsidade, a ironia, a inteligência ou quem sabe até mesmo, com o corpo. depende do que cada um tem de mais desenvolvido.